Terça-feira, 16 de Dezembro de 2008

O Lamarckismo era uma teoria defendida por Lamarck  que explica a diversidade específica através da lei do uso e do desuso e da transmissão

dos caracteres adquiridos.

 

Lei do uso e desuso: A necessidade de se adaptarem às condições ambientais conduziria ao desenvolvimento ou ao atrofio de determinados órgãos, dependendo uso ou do desuso dos mesmos.

 

Lei da transmissão dos caracteres adquiridos: Estas modificações permitiram aos indivíduos uma melhor adaptação ao meio, sendo transmitidas à descendência.

 

 

Causa responsável pela evolução dos seres vivos: ambiente e as necessidades dos indivíduos

Lamarck admitia que os seres vivos têm um impulso interior que lhes permite adaptarem-se ao meio quando pressionados por alguma necessidade imposta pelo ambiente.

 

No entanto, actualmente esta teoria já não é aceite, dado que surgiram argumentos a refutá-la, tais como:

 

- A herança dos caracteres adquiridos não se verifica experimentalmente

 

- A não Transmissão das Características somáticas é bem visível no nosso dia-a-dia. O filho de um pai de porte musculado não irá, necessariamente, possuir um porte também musculado. As modificações provenientes do uso e desuso dos órgãos são adaptações individuais somáticas, não transmissíveis, que não devem ser confundidas com as adaptações evolutivas, as quais implicam sempre modificação genética.

 



publicado por rjfragoso às 23:01 | link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


posts recentes

Recursos Hidrológicos

NOTÌCIA: AÇORES - Falta d...

GEOLOGIA: Recursos geológ...

GEOLOGIA: Metamorfismo

GEOLOGIA: Deformação das ...

Teria Darwin Errado?

Anatomia Comparada

Mecanismos de evolução II...

Mecanismos de evolução II...

Mecanismos de evolução: F...

arquivos

Maio 2009

Abril 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

blogs SAPO
subscrever feeds